Mai 06
Por meio de enquete, senadores querem ouvir cidadãos antes de votarem conteúdo que já foi aprovado na Câmara
Fonte: AdministradoresLink: http://www.administradores.com.br/noticias/carreira/senado-quer-sua-opiniao-sobre-projeto-de-lei-da-terceirizacao/110381/
Aprovado na Câmara, o Projeto de Lei 30/2015, que regulamenta e flexibiliza a terceirização no Brasil, tem gerado muitas discussões, com opiniões contrárias e favoráveis. O PL chegou ao Senado, que deverá discuti-lo e votá-lo em breve e os senadores querem sua opinião sobre o assunto.
A Casa colocou uma enquete em seu site, com diversas perguntas sobre o assunto. Participe, dando sua opinião.Para responder, clique aqui.
Lembre-se também de que é importante entrar em contato com o parlamentar que você elegeu para cobrar dele a posição que você defende, já que ele está lá para representar os interesses da parcela da população que o elegeu.
No próprio site do Senado são disponibilizados os contatos (e-mail e telefone) dos gabinetes.

escrito por jorge

Mai 06
Dinheiro de revisões do INSS já está liberado pela justiça
Verba é referente a processos de revisão de benefícios contra a previdência social em todo País
Beneficiários das ações podem acessar o site do Tribunal Regional Federal da 3ª Região para saber sobre o pagamento de seus valores
Segurados do INSS em todo País já estão recebendo dinheiro de ações movidas contra a previdência social sobre revisões de benefícios e de aposentadorias.
Um montante de R$ 613 milhões foi liberado pelo Conselho da Justiça Federal (CJF) e vai beneficiar um total de 60,5 mil beneficiários do INSS. Os valores atrasados são de até 60 salários mínimos (R$ 52.800,00) e referem-se a pagamentos denominados de Requisições de Pequenos Valores (RPVs).
Os segurados do INSS que moram na Baixada Santista ou no Estado de São Paulo vão receber o dinheiro, que começou a ser liberado na última segunda-feira, por meio do Tribunal Regional Federal da 3ª Região(TRF3).
Ler mais...

escrito por jorge

Abr 29



Com muita preocupação, os sindicalistas de várias classes profissionais participantes do Comitê de Enlace da UNI Brasil, que se reuniram na última semana, na sede do Secretariado Nacional dos Trabalhadores no Comércio e Serviços, discordaram abertamente do processo de abertura de impeachment da presidente Dilma Rousseff, votado pela Câmara dos Deputados. Gráficos e muitas outras categorias participam do Comitê. A preocupação agora é com os desdobramentos políticos do impedimento, que poderão trazer projetos para tirar direitos trabalhistas preexistentes. O Comitê também discutiu outros temas: Entre eles: a sua organização para participar da 5ª Conferencia Regional UNI Américas em dezembro na Colômbia; a possibilidade do intercambio entre os comitês de enlace da Argentina e do Brasil; e a próxima reunião do comitê na Paraíba.

"O assunto mais abordado na reunião foi sobre a organização do comitê para participar da 5ª Conferencia Regional UNIAméricas", diz Sueli Reis, dirigente do Sindicato dos Gráficos de Santos e integrante do Comitê de Mulheres da Confederação dos Trabalhadores Gráficos do Brasil. Este é o maior evento da UNI a nível das Américas e demanda organização. A conferência será realizada entre os dias 4 e 9 de dezembro na cidade de Medellín – Colômbia. Os sindicalistas deste país tem enfrentado grande perseguição do capital e muitos já foram até assassinatos.

A possibilidade de haver um intercâmbio entre os Comitês de Enlace da UNI dos países da Argentina e do Brasil foi também bastante discutido durante na reunião, que contou com a presença de sindicalista gráficas de Santos e de Barueri/Osasco. A ideia é convidar os/as sindicalistas do comitê argentino para participar do 1º Encontro de Intercâmbio. Já tem até data prevista para o evento. A intenção é realizar nos dias 14 e 15 de junho na sede do SENTRACOS. Planeja-se aproveitar a presença dos/as estrangeiros para que visitem as entidades sindicais que compõem o conselho de enlace brasileiro.

Outro ponto de pauta foi sobre a próxima reunião do Comitê de Enlace da UNI Brasil. Ficou definido que será realizado no dia 22 de junho na cidade de João Pessoa, na Paraíba. Também foram definidos os temas a serem abordados no encontro. São eles: financiamento sindical, E-social e conjuntura Internacional.

escrito por admin

Abr 27



Representantes das trabalhadoras gráficas, comerciárias, publicitárias, bancárias e as profissionais da área de asseio e conservação definiram a organização da 6ª Oficina de Formação da Rede Mulher da UNI Brasil. A rede é um grupo feminino nacional de diversas categorias vinculadas à organização intersindical planetária (UNI Global). A ex-coordenadora da Rede Mulher UNI Brasil, a sindicalista gráfica Sueli Reis, dirigente do Sindicato dos Gráficos de Santos e integrante dos comitês Feminino da Federação de São Paulo (FTIGESP) e da Confederação Nacional dos gráficos (CONATIG), participou do reunião no último dia 13, no Sindicato dos Comerciários de São Paulo. Os temas da oficina já foram definidos.

"Foi muito produtivo e já definimos todos os temas e a data de realizada da 6ª oficina de formação de gênero voltado ao movimento sindical", diz Reis. O evento será realizado entre os dias 5 e 8 de junho na Colônia de Férias do Sindicato Paulista dos Comerciários, em Praia Grande, litoral do Estado. Cinco temas serão abordados. São eles:Sexualidade, trabalho descente com enfoque nas mudanças atuais na previdência social, violência contra a mulher, desdobramentos da Lei Maria da Penha e, compreendendo gênero da esfera pessoal à política.

Também foi definido o número de participantes por cada órgão sindical. Será permitido a inscrição de até 10 representantes.O convite será feito a todas as entidades filiadas à UNI e às centrais sindicais. A 6ª oficina de Formação da Rede Mulher da UNI Brasil é voltada para mulheres, mas também para homens e jovens de ambos os sexos. A CONATIG é filiada à UNI. Na verdade, o presidente da CONATIG, Leonardo Del Roy ocupa a vice-presidência do órgão global e convida os/as sindicalistas gráficas a participarem deste grande evento de formação nacional.

escrito por admin

Mar 10
LEIS E DIREITOS
Muitos direitos que temos não são divulgados.
E são nossos direitos !
LEIS FEDERAIS
Lei 11664/08
Garante a Mamografia às mulheres a partir de 40 anos pelo SUS:
Dispõe sobre a efetivação de ações de saúde que assegurem a prevenção, a detecção, o tratamento e o seguimento dos cânceres do colo uterino e de mama, no âmbito do Sistema Único de Saúde – SUS.
Veja a Lei na Íntegra:

Lei 8922/94
Saque do FGTS e PIS:
Portador de Câncer ou possuidor de dependente (junto ao INSS ou Imposto de Renda) igualmente possuidor, poderá sacar o FGTS e PIS.
Veja como sacar o FGTS:
Veja como sacar o PIS:.
Veja a Lei na Íntegra:


Ler mais...

escrito por jorge

Ir para a página 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10  Última